Escola Politécnica da UFRJ retoma aulas virtuais nesta segunda-feira

As aulas na Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) vão voltar, de forma remota, na próxima segunda-feira (24), mas isso pode ser um problema para alguns alunos. Eles não têm acesso à internet e nem equipamentos para acompanhar as aulas virtualmente.
Um levantamento da escola, feito após o lançamento do edital que trata da campanha Inclusão Digital, apurou que do total de 4.998 matriculados em 13 cursos de engenharia, cerca de 300 alunos não têm computadores e nem rede adequados para acompanhar as aulas. Todos foram cadastrados conforme o edital.
Pelos cálculos feitos, o custo estimado para inclusão digital, por aluno, é de cerca de R$ 4,9 mil. A saída para resolver a questão foi lançar a campanha a fim de arrecadar recursos.
Além da compra de computadores, o dinheiro vai servir para garantir o acesso à internet a esses estudantes.
“O aprendizado dos alunos está em risco e pedimos a sua ajuda! Precisamos de doações para garantir que todos tenham acesso às aulas em igualdade de condições e que possam seguir adquirindo conhecimento para a construção do seu futuro!”, destaca o texto da campanha no site da escola.
Os computadores serão emprestados aos alunos com dificuldades financeiras e, depois da pandemia, tudo o que for adquirido ficará à disposição nos laboratórios de Ensino de Graduação da Politécnica, com uso permitido a todos os alunos. O slogan da campanha é “Empatia e Solidariedade podem mover o mundo! Toda ajuda é significativa”.
O site informa que até a última quinta-feira (20) 53 doadores tinham depositado R$ 45.114,04. De acordo com a diretora da Escola Politécnica, professora Cláudia Morgado, com o dinheiro de início serão comprados dez
computadores completos para as especificidades dos cursos e monitores. “Conforme forem chegando mais recursos, a gente vai comprar mais algumas levas e já entrando no procedimento de certificação e de lacre, porque tem que registrar como patrimônio e organizar toda a documentação de empréstimo”, disse em entrevista à Agência Brasil.

Da Agência Brasil | Foto: Divulgação

%d blogueiros gostam disto: