Bombeiros continuam buscas por Maxwell Soares da Silva

Após o feriado prolongado, a semana começou com o registro de novas mortes em decorrência da covid-19 em Petrópolis. Na tarde desta terça-feira (08), a Secretaria Municipal de Saúde confirmou mais seis óbitos por coronavírus e a cidade tem, ao todo, 183 vítimas da doença. O município contabiliza, ainda, 6.012 casos positivos e 1.745 pacientes recuperados.
O primeiro óbito divulgado é de uma idosa, de 89 anos, moradora da Coronel Veiga. A paciente foi internada no dia 31 de agosto no Hospital Unimed e faleceu no domingo (06). Ela sofria de miocardiopatia isquêmica e hipertensão arterial. O segundo caso é de um homem de 66 anos. Morador do Alto da Serra e com histórico de obesidade e hipertensão arterial, ele foi internado em 19 de agosto no Hospital Nossa Senhora Aparecida (HNSA) e morreu no sábado (05).
O terceiro óbito é de um morador da Posse. Aos 66 anos e ex-tabagista, ele foi internado no HNSA no dia 10 de agosto e faleceu na sexta-feira (04). Um homem de 70 anos, morador do Centro, é a quarta vítima. Internado no Hospital Unimed no dia 21 de agosto, o paciente morreu também na sexta-feira. Segundo a Saúde, ele tinha hipertensão arterial e obesidade.
Os últimos dois registros de óbitos divulgados nesta terça-feira são de um homem e uma mulher, de 79 e 54 anos, respectivamente. Eles estavam internados no Hospital Unimed – a idosa deu entrada no dia 30 de maio e faleceu domingo (06). Já o homem foi internado no dia 20 de agosto e morreu sexta-feira (04).
O informe da Saúde aponta que, até o momento, foram realizados 44.167 testes na cidade. Deste total, 37.720 resultaram negativo, 6.012 positivos e 435 estão em análise, entre PCR e testes rápidos. Há 103 pacientes internados na cidade, podendo ser casos positivos ou em investigação esperando o resultado do teste.
O levantamento mostra, ainda, 1.745 pessoas recuperadas do coronavírus. Esse número se refere às pessoas que estiveram internadas nas unidades hospitalares da cidade ou que se mantiveram em isolamento domiciliar e que, hoje, não apresentam mais os principais sintomas da doença.
Nesta terça-feira (08), o município contabiliza pelo SUS 42,59% dos leitos clínicos e 42,11% de UTI ocupados com pacientes infectados com coronavírus.

Fonte: Diário de Petrópolis

%d blogueiros gostam disto: