Secretaria de Estado de Saúde lança projeto de teleconsultoria para profissionais da Atenção Primária à Saúde

O objetivo é dar suporte aos profissionais de maneira remota para evitar encaminhamentos desnecessários

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro (SES) montou uma estrutura de teleconsultoria e educação para dar suporte para os profissionais da Atenção Primária à Saúde: o Telessaúde. O projeto funciona com consultores treinados para discutir casos ou auxiliar profissionais via telefone ou plataforma digital com questionamentos que podem aparecer durante um atendimento. O serviço conta com 23 precursores qualificados para atenderem as demandas.
De acordo com Rodrigo Pacheco, coordenador do projeto, esse sistema de teleconsultoria pode ajudar a diminuir as filas de regulação e otimizar os recursos públicos, uma vez que evita a sobrecarga do sistema com encaminhamentos para exames e consultas desnecessários.
Muitas vezes, o diagnóstico do paciente não fica muito claro para o profissional que está no atendimento, que pede exames e consultas complementares para sanar essas dúvidas. Com o Telessaúde, esse profissional pode entrar em contato com os técnicos especializados, debater o diagnóstico e chegar a uma solução conjunta, poupando o sistema de encaminhamentos para exames e consultas que não seriam necessárias – explicou o coordenador.
O projeto pretende também mapear os questionamentos mais comuns que os profissionais da assistência encontram e promover programas de educação continuada, com cursos e palestras específicos. Além dos atendimentos remotos, o Telessaúde está integrado à Central de Regulação do Estado e já criou 44 protocolos de encaminhamento para deixar mais claros e objetivos os processos de regulação.
Para ter acesso ao serviço, o profissional deve entrar em contato pelo telefone 0800 021 8119 ou pelo site tele.saude.rj.gov.br.

%d blogueiros gostam disto: