Voltada para o debate sobre inteligência artificial, Semana Nacional de Ciência e Tecnologia do LNCC começa dia 17

Os encontros serão virtuais, em lives que vão possibilitar um acesso ainda maior ao conteúdo da edição.

Começa no dia 17 deste mês a 17ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia – SNCT, que ocorre dentro do Mês Nacional da Ciência, Tecnologia e Inovações – MNCTI. A finalidade do Mês é mobilizar a população, em especial crianças e jovens, em torno de temas e atividades de Ciência, Tecnologia e Inovações, valorizando a criatividade, a atitude científica e a inovação. E mais uma vez, o Laboratório Nacional de Computação Científica – LNCC, localizado em Petrópolis, onde abriga o Supercomputador Santos Dumont, vai promover uma série de encontros para debater temas como inteligência artificial e a ciência por trás dos jogos de videogame. Desta vez, no entanto, os encontros serão virtuais, em virtude da necessidade do distanciamento social durante a pandemia da Covid-19.
Serão “lives” – transmissões ao vivo por redes sociais, realizadas ao longo dos dias 20 a 25. “As lives se tornaram uma ferramenta importante nesse momento em que precisamos nos manter distantes, mas sem deixar de estarmos próximos, produtivos”, destaca o diretor do LNCC, Augusto Gadelha. “Um ponto de otimismo para esta edição é que isso vai possibilitar que mais pessoas possam participar dos nossos encontros. Pessoas que tem dificuldade de acessar o LNCC, de outras cidades”, ressalta. A expectativa é de que os jovens sejam parcela significativa do público que acompanhará as atividades do MNCTI. “A finalidade da SNCT é despertar o interesse e a apreciação da população em geral pela Ciência. Em particular, ao despertar nos mais jovens a apreciação pela Ciência estamos incentivando o surgimento de futuros cientistas com capacidade para realizar pesquisas e desenvolver novas tecnologias que podem impactar na qualidade de vida das pessoas em todo o mundo”, destaca ainda o diretor do LNCC.
Para ajudar no entendimento desse impacto da ciência no nosso dia a dia, serão abordados temas como “Da Ciência aos Games”, com a cientista da computação Mariza Ferro. “Nesta live vamos mostrar ao público como a Inteligência Artificial já está presente no cotidiano dos jovens, sendo os videogames um bom exemplo disso. Essa proximidade com a tecnologia e os jogos pode, inclusive, influenciar nas escolhas que um estudante faz para a sua vida profissional. E esse é justamente o ponto, mostrar para os jovens que esse interesse pode ser uma das várias áreas de atuação profissional em tecnologia, sendo a IA uma delas. Veremos como essa IA que está presente nos jogos também está presente no cotidiano científico. O que muda é o objetivo final, enquanto nos games o objetivo é a diversão, na ciência estamos em uma busca da solução para problemas extremamente difíceis. Além disso, vamos ver como o Supercomputador Santos Dumont, presente no LNCC, é importante para a ciência e a Inteligência Artificial se tornar cada vez mais presente em nossa vida”, explica.
A inteligência artificial é o principal tema nos encontros virtuais realizados com os pesquisadores e cientistas do LNCC e convidados de outras instituições. Importante lembrar que o LNCC sedia o computador com maior capacidade da América Latina totalmente acessível à toda comunidade de pesquisadores no Brasil, capaz de processar até 5,1 quatrilhões de operações matemáticas por segundo. No enfrentamento ao COVID-19 esse supercomputador tem sido uma importante ferramenta usado por vários cientistas para um melhor entendimento do vírus, de sua disseminação e de possíveis métodos de combate e cura.
As atividades são gratuitas e serão transmitidas no canal do LNCC e do MCTI no Youtube:
https://www.youtube.com/c/LNCCbr
https://www.youtube.com/user/ascommcti

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO
SÁBADO, 17
9h-11h – Cerimônia de abertura da SNCT na cidade de Petrópolis
15h-15h50 – “Segmentação automática de imagens médicas de ultrassom intravascular via técnicas de aprendizagem de máquina” / Paulo Ziemer

TERÇA-FEIRA, 20
10h-11h – “O Supercomputador Santos Dumont, sua infraestrutura e as pesquisas nas áreas de computação científica e inteligência artificial” / Carla Osthoff

QUARTA-FEIRA, 21
10h-10h50 – “Dos Games à Ciência em Inteligência Artificial e Computação de Alto Desempenho” / Mariza Ferro
14h-14h50 – “Desenho de Fármacos e Estrutura de Proteínas” / Ana Luiza Karl, Karina Baptista dos Santos, Matheus Miller
15h-15h50 – “Inteligência Artificial: por onde começar?”/ Matheus Gritz

QUINTA-FEIRA, 22
14h-14h50 – “Desenho de Fármacos e Estrutura de Proteínas” / Ana Luiza Karl, Karina Baptista dos Santos, Matheus Miller
15h-15h50 – “Sistemas computacionais para aprendizado de máquina e inteligência artificial” / Roberto Souto

SEXTA-FEIRA, 23
10h-10h50 – “Como a Inteligência Artificial pode Contribuir para um Mundo mais Ecológico” / Felipe Bernardo e Gabrieli Dutra
14h-14h50 – “Desenho de Fármacos e Estrutura de Proteínas” / Ana Luiza Karl, Karina Baptista dos Santos, Matheus Miller
15h-15h50 – “Segmentação automática de imagens médicas de ultrassom intravascular via técnicas de aprendizagem de máquina” / Paulo Ziemer

DOMINGO, 25
9h-9h50 – Apresentação Institucional / Augusto Gadelha, diretor do LNCC
10h-10h50 – “Ciência de Dados” / Artur Ziviani
11h-11h50 – “Biologia, computação científica e inteligência artificial” / Fábio Custódio e Isabella Guedes
12h-12h50 – “Desenvolvimento da Plataforma DockThor-VS: Inteligência Artificial na Busca de Novos Fármacos contra COVID-19” / Laurent Dardenne
15h-15h50 – “Supercomputação no Brasil com o Santos Dumont” / Antonio Tadeu Gomes
16h-16h50 – “Entrevista LNCC em foco – História, atividades atuais, desafios e oportunidades para o futuro”/ Augusto Gadelha, diretor do LNCC
17h-17h50 – “Como a Inteligência Artificial está presente no seu dia a dia” / Mariza Ferro
18h-19h50 – “O Núcleo de Inteligência Artificial no LNCC: Desafios e Realizações” / Augusto Gadelha, Fábio Porto e Pablo Blanco

%d blogueiros gostam disto: