Justiça do Rio bloqueia bens de Cristiane Brasil e Pedro Fernandes

A 26ª Vara Criminal do Rio determinou nesta segunda-feira o bloqueio de bens móveis e imóveis, de contas bancárias e aplicações financeiras da ex-deputada federal Cristiane Brasil (PTB) e do ex-secretário Pedro Fernandes (PSC). De acordo com a decisão do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, outras cinco pessoas e quatro empresas também tiveram os bens bloqueados.
A decisão é motivada pela suspeita de que eles tenham participado de um esquema criminoso para desviar o dinheiro público em contratos de assistência social. Cristiane Brasil e Pedro Fernandes foram presos em setembro após denúncia do Ministério Público. Na quinta-feira, 15, a Justiça do Rio determinou a soltura dos dois.

Operação Catarata
A ex-deputada foi presa no âmbito da Operação Catarata, deflagrada em 11 de setembro pela Polícia Civil para investigar desvios de verba pública em contratos de ações sociais pela Prefeitura do Rio entre 2013 e 2018.
O ex-secretário de Educação do estado, Pedro Fernandes (PSC), também foi preso na operação, mas começou a cumprir a pena em casa devido à confirmação de covid-19 até 30 de setembro, quando foi levado para Bangu 8, na Zona Oeste.

Fonte: O Dia

%d blogueiros gostam disto: