Defesa Civil inicia inspeções nos pontos de apoio aos moradores de área de risco

As visitas foram antecipadas para se adequarem ao calendário do Plano Verão de Petrópolis 2021


A Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias deu início nesta sexta-feira (04/12) as inspeções nos pontos de apoio para atendimento às vítimas das chuvas. As visitas têm como objetivo verificar se os locais estão em condições de abrigar aqueles que precisarem deixar suas casas por motivo de segurança. A Ação faz parte do Plano Verão de Petrópolis 2021, que será lançado oficialmente no próximo dia 10.
Nas visitas são verificadas as condições dos dormitórios temporários, refeitórios, banheiros, chuveiros e etc. Também são testados os sistemas de alerta e sirenes. Tudo para que no período mais crítico de chuvas a população possa ser atendida com conforto e segurança.
Hoje foram vistoriados quatro pontos de apoio, na parte da manhã o Secretário de Defesa Civil, Coronel Paulo Renato Vaz, esteve com sua equipe no Vale do Cuiaba e no Boa Esperança. A tarde as inspeções aconteceram na Rua 24 de Maio, no Centro, e na Rua Teresa, no Alto da Serra.
O Cronograma segue na próxima segunda-feira (07/12), com visitas a mais quatro locais. Escola Municipal Rubens de Castro na Vila Felipe, Escola Municipal Ana Mohammad, no Sargento Boening, Escola Municipal Papa João Paulo II, no São Sebastião, e Escola Municipal Rosalina Nicolay, no Siméria.
Para o Coronel Paulo Renato Vaz, essas inspeções são importantes para garantir o atendimento necessário caso as pessoas vítimas de chuva precisem. “É uma situação muito difícil ter que deixar sua residência para não correr risco, são pessoas que passam por um momento delicado e merecem ser atendidas com a melhor estrutura possível, e garantir essa estrutura nos pontos de apoio é papel da Defesa Civil e da Prefeitura de Petrópolis. É isso que pede nosso prefeito Bernardo Rossi”, afirmou o Coronel.
A Defesa Civil informa que em casos de chuvas fortes e acionamento das sirenes, os moradores devem buscar imediatamente o ponto de apoio mais próximo. O telefone 199 também fica disponível 24h para relatos de ocorrências como deslizamentos e alagamentos.

%d blogueiros gostam disto: