Vinícius Farah destina R$ 2,4 milhões do orçamento da União para 9 entidades de Petrópolis

Juntas, elas atendem a centenas de pessoas e suas famílias, cada uma na área em que abraçou para proporcionar ajuda humanitária. E para apoiar as entidades nesta missão nobre e difícil – que ainda ficou mais árdua nesta pandemia – o deputado federal Vinícius Farah (MDB-RJ) está destinando R$ 2,4 milhões do orçamento da União de 2021 para nove entidades de Petrópolis. Nesta sexta-feira (11.12), ele reuniu diretores das instituições para dar a boa notícia e iniciar os trâmites legais para que as entidades recebam as verbas. Serão destinados R$ 270 mil para cada uma das entidades: Apae, Pestalozzi, Educandário Princesa Isabel, APPO, Gaape, Educandário São Charbel, Lar Nossa Senhora das Graças, Oficina de Jesus e Dog’s Heaven.
“Há 20 anos lutando pelos autistas estou positivamente perplexa porque é a primeira vez que somos chamados para receber uma ajuda de um parlamentar. Agradeço em nome das 142 crianças e suas famílias que apoiamos”, afirma a fundadora e coordenadora do Grupo de Amigos dos Autistas (Gaape), Márcia Loureiro. “O que mais temos nos perguntando neste momento é: ‘como será o ano que vem?’. E hoje encontramos esta resposta. A ajuda vem em boa hora”, destaca Souvenir de Oliveira, diretora da Apae que tem 150 assistidos.
O encontro, informal, marca para o deputado federal o início de um relacionamento com as entidades assistenciais de Petrópolis. “Tenho profundo respeito pelo trabalho de quem abraça a causa social e podemos, todos juntos, avançar. Tenho compromisso com a cidade de Petrópolis e já tivemos conquistas com recursos para a Saúde, na ordem de R$ 10 milhões, a recuperação da União e Industria, ajuda na liberação do conjunto Vicenzo Rivetti e agora estou honrado de poder ajudar na causa assistencial”, destaca Vinícius Farah.
Roberto Gonçalves, diretor do Educandário Princesa Isabel, também ficou entusiasmado com a chegada de recursos. A instituição atende crianças e adolescentes de 8 a 18 anos incluindo formação profissional. “Estou feliz com a seriedade e compromisso desta reunião em que não ouvimos promessas, mas realidade”, afirmou. Já a diretora Norma Ferras, da Pestalozzi, que atende a 90 pessoas, destacou como importante o momento: “precisamos de pessoas que priorizam o ser e não o ter”.
Já a diretora do Lar N.S. das Graças, uma abrigo para crianças de 0 a 12 anos frisou a dificuldade de manter a instituição com poucos recursos. “Saio daqui com o coração aliviado”, afirmou Vera Lúcia Alves.
Representantes das instituições relataram ainda a dificuldade em ampliar os atendimentos. No Gaape há uma fila de espera de 40 crianças e adolescentes enquanto que na Apae são mais de 100 aguardando. “A pessoa com deficiência não cessa o tratamento ou atendimento. Ele é contínuo, pra vida toda, por isso não temos novas vagas”, pontua Souvenir de Oliveira.
A causa animal também foi incluída na iniciativa do deputado federal de disponibilizar verbas. A Dog’s Heaven, hoje cuidando de 280 cães, se ressente dos muitos animais que de tão debilitados quando chegam à instituição não conseguem resistir. “Compramos esta semana três toneladas de ração e temos despesas com veterinário e medicamentos. É uma luta grande”, destacou Guilherme Agnew.
Vinicius Farah destacou na reunião toda a tramitação que precisar ser cumprida até que as verbas cheguem às entidades. “Mas, vamos estar presentes em todo esse processo, ajudando na obtenção de documentos e certificados necessários. Não venho hoje aqui anunciar os recursos e desejar boa sorte para que eles cheguem. Eu quero que cheguem, de fato, nas contas das entidades, por isso minha equipe vai estar a postos para todos os procedimentos”, afirma o deputado federal.
Também estiveram presentes à reunião diretores e representantes da Associação Petropolitana de Pacientes Oncológicos (APPO), Associação Espaço Educativo São Charbel e Associação Oficina de Jesus (Padre Quinha).

%d blogueiros gostam disto: