Chapecoense marca aos 51 minutos do segundo tempo e conquista Série B

Em uma última rodada emocionante, a Chapecoense venceu o Confiança por 3 a 1, com um gol de Anselmo Ramon aos 51 minutos do segundo tempo e conquistou o pela primeira vez título da Série B do Campeonato Brasileiro.
O time catarinense precisava derrotar o Confiança e fazer um saldo superior ao do América-MG, caso o Coelho também vencesse sua partida. Em Minas Gerais, o América-MG passou pelo Avaí por 2 a 1. Melhor para a Chapecoense, que lutou até o fim, chegou aos 73 pontos e, com 21 gols de saldo, um a mais que o rival mineiro, saiu da Arena Condá com a taça de campeã

O jogo
A Chape começou fazendo sua parte. Logo aos 3 minutos de jogo, o Verdão do Oeste abriu o placar. Denner recebeu passe de Mike pela direita e tocou na medida para Anselmo Ramon. O camisa 9 dominou dentro da área e chutou no canto direito do goleiro Rafael Santos. Quatro minutos depois quase veio o segundo. Mike apareceu bem novamente e encontrou Denner, que finalizou de primeira, acertando o travessão.
O Confiança só assustou aos 18 minutos. Serginho dominou dentro da área, mas não conseguiu chutar. A bola sobrou para Silva, que soltou a bomba de longe, passando perto do gol de João Ricardo. O time visitante equilibrou a partida e passou a assustar a Chapecoense. Aos 32 minutos, Everton arriscou de fora da área e levou perigo. No fim da primeira etapa, João Ricardo evitou o empate ao defender um chute firme de Serginho.
No segundo tempo, o Confiança empatou aos 9 minutos. Altemar lançou para Reis finalizar com precisão, de cabeça, e deixar tudo igual. A Chape partiu para o tudo ou nada e quase sofreu a virada. Aos 30 minutos, Rafael Vila tocou para Alyson, que apareceu na frente do goleiro João Ricardo, mas chutou em cima do camisa 1.
Aos 33 minutos começou a reação do time campeão e o Verdão do Oeste chegou ao segundo gol. Anselmo Ramon cruzou na área e Perotti, que entrou no decorrer do segundo tempo, apareceu de carrinho para finalizar e fazer 2 a 1.
A Chapecoense marcou novamente aos 41 minutos, com Perotti, mas a arbitragem assinalou impedimento do camisa 77. A equipe do técnico Umberto Louzer não desistiu e foi premiada. Aos 48 minutos, Bruno Silva fez boa jogada, disputou com a zaga, caiu na área e o árbitro assinalou pênalti. Anselmo Ramon cobrou com cavadinha e decretou a vitória: 3 a 1 e o título ficou na Arena Condá.

América-MG x Avaí
Na Arena Independência, o América-MG teve todas as chances de ser campeão da Série B. Depois de um primeiro tempo impecável, o Coelho abriu 2 a 0 com gols de Rodolfo e Ademir. Na segunda etapa, o Avaí melhorou e diminuiu com Getúlio de cabeça. Após o apito final do árbitro, alguns jogadores do América acompanharam os últimos momentos do jogo entre Chapecoense e Confiança e assistiram ao gol de Anselmo Ramon, que deu o título aos catarinenses.
Da Agência Brasil

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: