Dnit reforça estar preparado para assumir a BR-040 a qualquer momento com segurança e atendimento médico

Governo federal está recorrendo da decisão em caráter liminar que manteve a concessionária operando a rodovia mesmo após o fim do contrato de 25 anos

“O Dnit tem contratos garantidos com duas empresas para manutenção da via a qualquer momento”. A garantia é do superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes, Robson Carlindo, em reunião com o poder público, parlamentares e empresários na tarde desta quinta-feira (04.03), no Palácio Quitandinha. A garantia do Departamento, para o deputado federal Vinicius Farah, presente à audiência, é fundamental para dar segurança ao usuário. A reunião foi realizada para que o Dnit apresentasse o modelo de operação da BR-040 até que uma nova concessão seja realizada. O Dnit terá uma parceria do governo do estado no socorro médico, via Samu e Bombeiros. E também receberá R$ 50 milhões, emenda da bancada federal do Rio na Câmara dos Deputados, que assegure as demais ações de operação e manutenção.
“A fala do superintendente é um compromisso direto com toda a sociedade e vai ser colocada em prática assim que a liminar que deu sobrevida à Concer à frente da rodovia for derrubada. Esse encontro foi importante para que o Dnit demonstrasse sua capacidade e empenho para estar à frente do principal acesso para as cidades da região”, frisa Vinicius Farah, lembrado do encontro, semana passada, em Brasília, com o presidente do órgão, general Antônio Leite dos Santos Filho, que assegurou uma operação eficiente na rodovia.
A audiência contou com a presença do prefeito Hingo Hammes, de Petrópolis e de dois prefeitos de cidades mineiras, Davi Carvalho, de Simão Pereira, e Roberto Lopes, de Matias Barbosa. Também participaram o deputado estadual Marcus Vinicius Neskau, o deputado federal Hugo Leal e o presidente da Câmara de Vereadores, Fred Procópio, além de empresários, secretários municipais e vereadores.
“Fomos surpreendidos com a liminar dada à Concer após termos estado com o presidente do Dnit. Mas, estamos hoje aqui poder público, empresários, trade turístico e legislativo demonstrando unidade e referendado que queremos a mudança e exigindo que a Concer faça um serviço de qualidade no período que estiver como concessionária”, afirmou Hingo Hammes.
O governo federal está recorrendo da decisão em caráter liminar que manteve a concessionária operando a rodovia mesmo após o fim do contrato de 25 anos. Mas, nada mudou no planejamento para que o órgão assuma a via. “O Dnit estará a postos para entrar em operação. Essa era uma dúvida de Petrópolis, Areal, Três Rios, São José, Levy Gasparian e todas as cidades que dependem da BR-040. Então hoje é mais um passo importante que damos rumo ao projeto de termos a rodovia ideal”, destaca Vinicius Farah.
O deputado federal frisa que é uma questão judicial e que não deve ser trazida para a operação na estrada. A Concer reclama de falta de aportes com o governo federal tendo de arcar com custos da obra da nova pista de subida da serra, mas isso é uma questão jurídica entre União e empresa. “A Concer não pode se perpetuar em um contrato que venceu. O prejuízo ou a reclamação que for que ela tenha deve ficar na esfera judicial”, assinala Vinícius Farah.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: