HISTÓRIA DE PETRÓPOLIS É TEMA DE TEATRO/LIVE NESTE SÁBADO

Espetáculo será transmitido ao vivo diretamente dos palcos do Teatro Santa Cecília

Lei Aldir Blanc, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Governo do Rio de Janeiro, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal apresentam, neste sábado, dia 10 de abril, às 17h nas plataformas digitais da Xdaquestão Produçõesa remontagem do espetáculo “Petrópolis Uma Cidade Imperial”.

O espetáculo original foi montado em 2015 pela Xdaquestão Produções, através do Edital de Concorrência promovido na época pela Prefeitura Municipal de Petrópolis, por meio da extinta Fundação de Cultura e Turismo, hoje Instituto Municipal de Cultura e Esportes, com recursos advindos da Funarte – Fundação Nacional das Artes, que na época contou com 15 (quinze) apresentações no Theatro D. Pedro, para um público médio de 6.000 (seis mil) pessoas.

O projeto conta com a pesquisa assinada pela historiadora Maria Angela Gomes que afirma que através de uma linguagem lúdica e pedagógica o espetáculo vai retratar o que foi selecionado na pesquisa. “Elaborei uma pesquisa detalhada e baseada em fontes renomadas, momentos históricos relevantes e peculiares da história dos colonizadores e cidadãos normais e, dessa forma, vamos conseguir transmitir informações que comprovam a contribuição da cidade de Petrópolis na história do Brasil e no desenrolar da democracia nacional”, ressaltou a historiadora.

O Diretor Geral é Maurício Araújo, a Diretora de Produção e Secretária Teatral é a jornalista Carla Coelho, quem assina como assistente de produção é Rosane Guitarelli. O Diretor Artístico eDramaturgo é Paulo Marcos de Carvalho e no elenco estão: Andrea Dutra, Ariel Barbosa, Fabio Branco, Flávia Miranda, Jonas Raibolt, Monica Campos, Nathan Cardoso e Vania Moreira. Na ficha técnica ainda constam a Historiadora Maria Angela Gomes, supervisionando a cenografia Natália Lana, e com a mão na massa no cenário, figurinos e adereços Pryscila Dias, o assessor de imprensa Vitor Mattos, o fotógrafo RenneRaibolt, a camareira e contraregra Walkiria Diniz e o intérprete de libras e audiodescritorAndré da Silva Vieira.

“Estamos felizes em poder contar com um profissional habilitado para a execução da Linguagem Brasileira de Sinais, Libras, na nossa apresentação inédita, pois entendemos a importância da acessibilidade do conteúdo. Por questões técnicas incluiremos a Áudio Descrição no espetáculo e o veicularemos na segunda-feira no mesmo horário. A intenção é, dessa forma, ampliar o acesso a cegos”, comemorou.

A veiculação do projeto será realizada pelas plataformas digitais da Xdaquestão ProduçõesnoFacebook @xdaquestaoproducoes (https://www.facebook.com/xdaquestaoproducoes/), e Youtube(https://www.youtube.com/channel/UC6MBZV6Wyy_k3i5RB4OFcDg).

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: