seg. out 18th, 2021

Associação dos Ambulantes de Petrópolis discute crédito na AgeRio

Linhas de crédito foram tema da reunião com membros do governo do Estado e profissionais

As linhas de crédito ofertadas pela AgeRio para microempresários do setor
foram tema da reunião que aconteceu nesta segunda-feira, 19/04, no Rio, com a participação do presidente da Agência Estadual de Fomento André Vila Verde, o subsecretário de Estado de Cidades, Bernardo Rossi, o presidente da Associação de Ambulantes de Petrópolis, João Firmino, e outros membros do segmento.
O presidente da AgeRio, explicou a importância do setor no desenvolvimento econômico das cidades, bem como a organização da entidade para dar aos ambulantes representatividade na busca de incentivos. A Agência tem como missão apoiar e ampliar a capacidade da recuperação da economia para empresas de todos os portes. A linha de crédito ofertada vai de R$ 500,00 a R$ 21 mil para negócios com faturamento anual de até R$ 360 mil. O empresário, para ter acesso ao crédito, deve realizar o cadastro de forma digital pelo site www.agerio.com.br.
O subsecretário de Estado de Cidades, Bernardo Rossi, destacou a importância que o crédito trará para o comércio de rua: “Quando conheci as linhas da AgeRio, senti que os ambulantes precisavam ter informações sobre como o apoio pode reforçar a economia neste momento. Essa agenda é uma reunião de trabalho onde eles vão tirar dúvidas e saber o que precisam fazer para conseguirem um empréstimo pela AgeRio”.
André reforça o apoio da Agência juntamente com o Governo Estadual na retomada da economia dos municípios: “A AgeRio vem justamente aqui para ajudar nesse poder de recuperação que os empresários do estado estão precisando devido ao momento. Não tem nada igual no mercado em termos de financiamento que a AgeRio apresenta”.
O recurso pode ser usado para compra de equipamentos de material de consumo e capital de giro, que neste momento de pandemia teve uma retenção. A carência para o início do pagamento é de até 12 meses, com prazo de quitação do empréstimo de até 24 meses, com taxa de 0,25% ao mês.
João Firmino, presidente da Associação, afirma que a reunião é um ponto de início de relacionamento entre os profissionais e a AgeRio. “Esta aproximação por meio do Bernardo até a agência pode dar um novo fôlego ao setor. Iremos ajudar os ambulantes a conseguirem o crédito e assim ampliar as oportunidades de negócio nestes tempos”.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: