qui. out 21st, 2021

Os carnês também estão disponíveis no site da prefeitura ou no Centro de Cultura Raul de Leoni ! Divulgação

Valorização do artista local: governo interino homologa edital do Fundo de Cultura de 2020

Prefeitura vai investir parte da verba do IMC para o edital 2021

O governo interino homologou o resultado do edital referente ao Fundo Municipal de Cultura de 2020. O valor total empenhado de R$ 220.400,00 vai contemplar 84 projetos dos mais diversos seguimentos culturais. Já em relação ao edital do Fundo para 2021, foi autorizado pela prefeitura a disponibilidade de orçamento próprio do Instituto Municipal de Cultura (IMC) como forma de fomentar a cultura mediante concurso para seleção de projetos da classe artística do município.

“Dessa forma vamos valorizar cada vez mais a cultura e o artista petropolitano”, destaca o prefeito interino Hingo Hammes, ressaltando outros avanços do governo interino no segmento da cultura. “Regularizamos o edital Fique em Casa com Cultura e realizamos o pagamento do edital da Lei Aldir Blanc, incentivando outras produções culturais, de diversos segmentos”, conta Hammes.

Nesta semana, o IMC iniciou a reorganização junto aos artistas selecionados um cronograma de execução, como forma de garantir o alcance dos produtos culturais destes projetos à toda a população de Petrópolis. “No caso, os artistas recebem em até 30 dias após a execução de seus projetos”, explica Leandro Kronemberger, diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura.

O petropolitano Rodolfo Medeiros, organizador do Feespe, foi um dos contemplados. Segundo ele, o edital é importantíssimo para a classe cultural. “Muitos artistas perderam completamente a sua renda. O edital é uma maneira de contribuir com essas pessoas, além de valorizar os artistas da nossa cidade”, ressalta.

A atriz Simone Rodrigues, teve dois projetos aprovados pelo Fundo de Cultura: a peça teatral Casa das Margaridas, e o projeto de vídeo performático Cantos Negros. Ela ressaltou a importância do edital de cultura para os artistas da cidade.

“O Fundo de Cultura é totalmente necessário para fomentar a cultura em nossa cidade. Ele possibilita a realização de diversos trabalhos artísticos em todos os segmentos, bem como viabiliza o acesso de públicos a arte através da internet. Além disso, ele viabiliza a produção dos projetos com a compra de cenário, figurinos e outros serviços necessários à produção e realização dos trabalhos e garante o recebimento de cachê para os profissionais envolvidos que encontram-se parados por causa da Pandemia”, disse Simone.

Para esse ano, foi autorizado o uso de orçamento próprio do Instituto Municipal de Cultura como forma de fomento a cultura em Petrópolis. A Comissão de Projetos do Conselho Municipal de Cultura (CMC) já está em fase de finalização do Edital para a seleção de 2021.

“Fizemos esse anúncio, inclusive, nas inclusive com anuncio oficial em reuniões do CMC. Queremos fomentar a cultura e valorizar, cada dia mais, o artista petropolitano, que produz com extrema qualidade em diversos segmentos”, completa Berg.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: