qui. jul 29th, 2021

Polícia desmente notícia falsa sobre freiras que estariam cometendo crimes na cidade

A 106ª Delegacia de Polícia, informou em nota em sua página que a onda de notícias sobre duas freiras que estariam praticando crimes nas região, não é verdade. O boato andou circulando em grupos de Whatsapp e rapidamente se espalhou pela cidade.
Na quinta-feira, as duas religiosas foram identificadas pela polícia e constatou-se que realmente são freiras e estão em um trabalho missionário católico chamado Arautos do Evangelho, não tendo sido constatado qualquer indício de atividade ilícita.
Lembrando que, embora não haja uma legislação especializada no assunto, quem ajuda a espalhar notícias falsas, as chamadas “fake news”, pode sim ser responsabilizado em diversos artigos, dependendo do caso e de seus desdobramentos. O mais comum é o crime de Difamação, previsto no Art. 139 do Código Penal.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: