qui. out 21st, 2021

‘Bebê mais prematuro do mundo’ faz um ano e entra no Guinness

Richard Scott William Hutchinson nasceu em junho de 2020 e entrou no Livro dos Recordes do Guinness como o ‘bebê mais prematuro do mundo’. O menino norte-americano veio ao mundo 131 dias antes do previsto e, contrariando todas as expectativas, já comemorou um ano de vida.
Para Beth e Rick, os pais de Richard, foi dito que o bebê “tinha 0% de hipóteses de sobreviver”, tendo o casal recebido aconselhamento pré-natal para ajudá-los a lidar com a situação.
O pequeno nasceu com apenas 340 gramas e cabia na palma de uma mão, razão pela qual teve de se manter nos Cuidados Intensivos do Hospital Pediátrico do Minnesota, no estado norte-americano do Minneapolis, durante os primeiros meses, conta a People.
Apesar das dificuldades, Richard saiu da unidade em dezembro e, recentemente, comemorou um ano – entrando no Guinness como o ‘bebê mais prematuro do mundo’ a sobreviver. O recorde pertencia a James Elgin Gill, que tinha nascido em 1987, em Otava, no Canadá, 128 dias antes do tempo.
O bebê ‘milagre’ recebeu a distinção ao celebrar um ano. Num comunicado do Guinness, Beth referiu que continuam “surpreendidos” com o caso do filho, mas que pretende “compartilhar a história para chamar a atenção para os nascimentos prematuros”.

Do Notícias ao Minuto

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: