sáb. jan 29th, 2022

Retorno às aulas presenciais (no modelo híbrido) na rede municipal será gradual, respeitando escalonamento previsto no Plano de Retorno

Pais poderão optar pelo retorno presencial ou continuidade do atendimento remoto
A Prefeitura vai manter, no retorno às aulas presenciais na rede municipal de Educação, no modelo híbrido, a partir de 13 de setembro, o mesmo escalonamento previsto no Plano de Retorno, aprovado anteriormente pelo Conselho Municipal de Educação. As aulas começarão gradualmente, incluindo períodos online e presenciais. As escolas seguirão os seus planos de retornos individuais para garantir que todos os protocolos de segurança possam ser seguidos conforme está definido no Plano de Retorno às Atividades Presenciais.

A divisão será feita em quatro grupos, com espaçamento de datas:

  • Grupo 1: Retorno em 13 de setembro
    Quem volta: Turmas do Ensino Médio + Turmas ciclo (1º / 2º / 3º ano do Ensino Fundamental I)
    Observação: A única escola da rede municipal que oferece Ensino Médio é o Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio.
  • Grupo 2: Retorno em 27 de setembro
    Quem volta: Turmas do 5º e 9º do Ensino Fundamental + Turmas do 4º ano do Ensino Fundamental + Turmas da EJA (Educação de Jovens e Adultos) Diurno e Noturno.
  • Grupo 3: Retorno em 4 de outubro
    Quem volta: Turmas do 4º e 5º períodos da Educação Infantil + as turmas do 6º / 7º e 8º anos do Ensino Fundamental + classes especiais + salas de recursos multifuncionais.
  • Grupo 4: Retorno em 11 de outubro
    Quem volta: Turmas de Centros de Educação Infantil – 0 a três anos + 3º período das Escolas de Educação Infantil.

O horário de atendimento será reduzido, com máximo de três horas diárias, e os professores terão as cargas adaptadas para garantir tanto o atendimento dos alunos que estarão no presencial, quanto dos que estiverem no remoto. Os protocolos sanitários serão respeitados e retornarão as unidades com a certificação Escola Segura – Das 186 unidades da rede, 170 já têm o selo.
Vale salientar que as normas pedagógicas sobre o retorno presencial na rede municipal estão especificadas na resolução nº 16 de 13 de julho de 2021, publicada no DO de 29 de julho de 2021, que dispõe sobre a oferta do ensino presencial e das atividades não presenciais a partir da determinação do retorno presencial gradativo, conforme Plano de Retorno às Atividades Presenciais, aprovado pelo Conselho Municipal de Educação – COMED. Entre os pontos definidos na resolução está o modelo de ensino híbrido que será adotado, o de rotação, em que os alunos se revezam semanalmente entre atividades realizadas presencialmente e atividades remotas pré-determinadas com a mediação do professor.

Pais poderão optar pelo retorno presencial ou continuidade do atendimento remoto
“É importante salientar que os pais e responsáveis continuam podendo optar por manter com os crianças e jovens no ensino remoto, caso essa seja a escolha da família. Sendo assim, ao estudante que optar pelo ensino presencial será oferecido também o conteúdo total da disciplina na plataforma Educa em Casa, assim como interações presenciais e remotas com a mediação do professor”, explica a secretária de Educação, Marcia Palma.
Já àqueles que optarem por permanecer no ensino remoto continuará sendo ofertado o conteúdo correspondente à carga horária total de cada disciplina, publicado na plataforma Educa em Casa, cujo acesso é livre ao aluno, ou por meio de material impresso, assim como tempo destinado à interação com a mediação do professor para discussões, resolução de atividades, devolutivas e outras propostas pedagógicas.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: