sáb. jan 22nd, 2022

Procon vai intermediar possibilidade de troca de curso para alunos de escola técnica que fechou sem aviso prévio

O Procon Petrópolis realizou mais uma visita fiscalizatória, nessa sexta-feira (05/11), à escola com cursos profissionalizantes, no Centro da cidade, que, segundo denúncias de alunos, fechou sem aviso prévio. Na ocasião, encontrou na sede da unidade funcionária que garantiu a entrega dos históricos escolares aos alunos e alguns certificados de conclusão, na próxima segunda-feira (08/11). Para amenizar o prejuízo dos estudantes da escola técnica, o Procon tentará intermediar a possibilidade de migração dos alunos para outros cursos existentes na cidade.
“Nosso objetivo é conversar com a proprietária do curso e tentar chegar a uma solução que pelo menos minimize o prejuízo de ordem material, profissional e moral dos alunos, já que eles investiram dinheiro, tempo e confiança nas aulas ofertadas pela escola”, disse o coordenador do Procon Petrópolis, Jorge Badia, acrescentando que uma ideia é aproveitar o histórico escolar dos estudantes e encaminhá-los para outros cursos.
“Diante de pesquisas realizadas conseguimos identificar duas outras escolas técnicas que oferecem cursos semelhantes e a ideia é que as matérias já cursadas possam ser aproveitadas para que o prejuízo seja o menor possível. Vamos apresentar essa solução e, através do diálogo, tentar ajudar”, confirmou Jorge Badia.

Entenda:
Após o recebimento de diversas denúncias sobre o fechamento, sem aviso prévio, o Procon realizou na última quinta-feira (04/11) uma visita à sede de uma escola que oferta cursos profissionalizantes, no Centro da cidade. No local, a equipe encontrou o prédio fechado e sem nenhum tipo de comunicação visual explicando o fato. Como forma de alerta, o Procon solicitou que os estudantes da unidade procurassem o órgão para confeccionar uma reclamação formal, que poderá ser encaminhada ao judiciário, caso a escola não emita os certificados para os estudantes e o histórico de matérias já cursadas.
Cabe informar que, consumidores que quiserem denunciar o fechamento de cursos temporariamente sem aviso prévio, ou, ainda, de forma definitiva e também outras irregularidades podem agendar uma reunião presencial no Procon para relatar o caso ou tirar dúvidas. O contato também pode ser feito através dos números: 2246-8469, 2246-8471, 2246-8473, 2246-8475, 2246-8477, 2246-8470, 2246-8472, 2246-8474 e 2246-8476. O agendamento também pode ser feito pelo aplicativo ou pelo e-mail procon@petropolis.rj.gov.br. O Procon funciona na Rua Doutor Moreira da Fonseca, número 33, no Centro Histórico.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: