qua. maio 18th, 2022

Pediatra da Unimed Petrópolis reforça a importância da vacinação de crianças contra a Covid-19

Com a ampliação da faixa etária, tomar a vacina é fundamental para todos.
Nas últimas semanas, o calendário de vacinação contra a Covid-19 em Petrópolis foi ampliado para contemplar crianças de 5 a 11 anos. Agora, todos os públicos podem e devem se vacinar, como explica o Pediatra da Unimed Petrópolis, Roberto Audyr.
“A vacinação para crianças já está disponível. Vai ser feita em duas doses e é só se cadastrar no site da prefeitura do nosso município. É muito importante que as pessoas levem seus filhos para vacinar! A pandemia está muito complicada, os casos aumentando bastante. Existem situações de gravidade com Covid em crianças. Crianças podem pegar Covid, podem internar, então é muito importante que todas as pessoas se vacinem. Isso é fundamental!” Alerta ele.
Dr. Roberto explica que a vacina é segura . As doses para adultos e crianças apresentam algumas diferenças, tanto na sua concentração quanto na cor do frasco, com o intuito de evitar possíveis erros. A quantidade de vacina que é feita nos adultos corresponde a 30 microgramas. Já a das crianças corresponde a 10 microgramas.
Em relação às reações à vacina, o pediatra explica que são em sua maioria muito pequenas. As mais comuns são as que já temos conhecimento como dor local, dor muscular e febre. Em relação a efeitos adversos mais graves, ele explica que são extremamente raros e incomuns e muito pequenos comparados aos benefícios que a vacina traz.
Apesar do avanço da campanha de vacinação, ainda é muito importante continuarmos seguindo os protocolos de higiene e prevenção à Covid-19 como o uso de máscaras – se possível os modelos PF2 e N95 que tem maior poder de proteção –, uso do álcool em gel ou lavagem das mãos com água e sabão e mantendo o distanciamento social.
Além disso Dr. Roberto Audyr faz um apelo para que todos completem o esquema vacinal de duas doses da vacina e a dose de reforço.
“É muito importante que as pessoas continuem seguindo esses protocolos. Hoje o que estamos vendo é um aumento absurdo do número de casos, os hospitais estão lotados de pacientes para serem atendidos. Infelizmente a vacina não está impedindo as pessoas de adoecerem, mas com certeza está impedindo de ficarem graves e internar. Então é super importante estar com seu esquema vacinal completo, com as duas doses e o reforço. É muito importante que a população faça a sua parte!” Finaliza ele.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: