Região Serrana gerou cerca de 5 mil empregos em 2021, aponta Firjan

Os dados agregados de todos os setores econômicos (indústria, comércio, serviços e agropecuária) mostram que a Região Serrana acumulou 4.980 postos de trabalho em 2021, sendo Petrópolis com 2.702 e Teresópolis com 2.278, fechando o ano com saldo positivo.
A análise feita pela Firjan, a partir da plataforma Retratos Regionais, mostra que em Petrópolis, os setores de serviços (+994) e indústria (+924) foram os que mais geraram empregos. Enquanto Teresópolis, serviços (+1.226) foi responsável pela maior parte das vagas.
“Em um ano cheio de desafios e incertezas, a nossa região apresenta um saldo positivo na geração de empregos, isso mostra a força da Região Serrana e da nossa potência econômica para o estado. Em 2022, a Firjan segue trabalhando para o fortalecimento de nossas indústrias para a geração de emprego e o crescimento regional”, disse Júlio Talon, Presidente da Firjan Serrana.

Construção civil é destaque no mercado de trabalho da indústria fluminense em 2021
A Plataforma Retratos Regionais da Firjan aponta que a construção civil criou 14.207 postos de trabalho no estado do Rio em 2021. O setor foi o maior responsável pela recuperação das vagas perdidas na indústria fluminense em 2020 por conta da pandemia de Covid-19. Em seguida, com a geração de 6.297 postos de trabalho, vem o segmento de Manutenção, Reparação e Instalação de Máquinas e Equipamentos. Em 2021, a construção civil e os segmentos industriais tiveram saldo positivo de 36 mil vagas.
No setor de serviços, os principais destaques foram os segmentos de Restaurantes e Outros estabelecimentos de Serviços de Alimentação e Bebidas, com 12.147 vagas, e Serviços Combinados de Escritório e Apoio Administrativo, com 6.009 vagas. O saldo do setor de serviços, o mais impactado em 2020 pela pandemia, foi de 98,5 mil postos de trabalho em 2021. Os setores do comércio e da agropecuária também fecharam o ano com saldo positivo, de 42,3 mil e 1,3 mil, respectivamente.
O resultado dos setores fez com que o estado do Rio fechasse o ano de 2021 com saldo positivo de 178,1 mil postos de trabalho, recuperando as mais de 150 mil vagas perdidas em 2020. Todas as regiões fluminenses registraram saldo positivo em 2021. A Capital foi responsável pela criação de 81,4 mil vagas, seguida pelo Leste Fluminense (+32,4 mil) e pelo Norte Fluminense (+16,7 mil). Entre os municípios, 89 dos 92 tiveram saldo positivo.

Plataforma Retratos Regionais
A plataforma Retratos Regionais da Firjan tem como base o saldo de empregos formais disponibilizados no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Em painel setorial são disponibilizados dados específicos dos setores industriais.
Em painel regional, que também permite a busca por município, é apresentado o cenário geral de empregos, incluindo todos os grandes setores. A plataforma pode ser acessada através deste link: https://bit.ly/2WunK6l.

ED 531-CLIQUE AQUI

%d blogueiros gostam disto: